Meu escritório contábil precisa de um blog?

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email

O marketing digital veio para transformar a forma como nos comunicamos, principalmente quando a comunicação é entre empresa e cliente.

Em pouco tempo, muitas empresas de diversos segmentos embarcaram na era digital e apostaram em diversos recursos para melhorar a comunicação com seus clientes, e principalmente, gerar novas oportunidades de negócio.

Apesar de todas as particularidades existentes no marketing para contabilidades, você já deve ter se perguntando se o seu escritório contábil precisa de um blog, não é mesmo?


Qual o objetivo de ter um blog? O que muda para o meu escritório?


Antes de responder se o seu escritório contábil precisa de um blog, é importante que você entenda qual o objetivo de possuir um blog dentro do seu site e quais os resultados que isso pode te trazer, afinal, qual é o objetivo de possuir um!

O objetivo principal de um blog é disseminar informação e conhecimento de forma gratuita, ou seja, transmitir informações importantes para as pessoas de uma forma acessível e sem custos. Mas por que as empresas fazem isso? O que elas ganham com isso?

Essa pergunta talvez seja o grande X da questão. O objetivo de um blog é disseminar informação sim, mas as empresas ganham muito com isso e seu escritório contábil pode ganhar também.

Isso porque, imagine que o seu público-alvo são empreendedores de pequeno porte que estão iniciando suas atividades agora.

Essas pessoas certamente têm dezenas de dúvidas quando a questão é contabilidade, dúvidas que você saberia responder facilmente.

Normalmente, essas pessoas expõem suas dúvidas no Google e buscam algum site que consiga ajudá-las a resolver seus problemas ou entender determinado assunto.

Se o seu escritório contábil possuir um blog repleto de conteúdo que responda essas dúvidas, é bem provável que um desses empreendedores iniciantes acabe consumindo seus artigos e seu conteúdo.

A consequência disso é que seu escritório contábil passará a ser uma referência para essa pessoa.

Produzir conteúdo rico que vise sanar as dúvidas e ajudar seu público alvo faz com que o seu escritório contábil se torne autoridade no assunto.

Compartilhando um blog com o seu público, mais do que demonstrar conhecimento, você demonstra interesse em ajudar essas pessoas, mostra que você está realmente engajado em ajudar essas pessoas a resolverem seus problemas, e mais que isso, quando você dá informação para uma pessoa de forma desinteressada, automaticamente, você desperta o gatilho mental da reciprocidade!

Quer entender mais sobre gatilhos mentais? Então clique aqui.


O meu escritório contábil precisa de um blog?


Depois de ter entendido o real objetivo de possuir um blog, você deve imaginar que sim, que o seu escritório precisa de um blog!

Mas a resposta não é exatamente essa… Claro, entendendo que você pode ampliar suas oportunidades de negócio e gerar valor para os seus clientes, ter um blog parece uma oportunidade e tanto para alavancar seu escritório contábil… O fato é que ter um blog implica outras coisas, como:

Tempo – se você decidiu que vai investir em um blog, precisa ter em mente que seu principal investimento será em tempo! Você precisará de um tempo específico para dedicar a isso.

Pesquisa – não basta simplesmente escrever sobre qualquer assunto, você precisa saber quem é o seu público alvo, quais são suas dúvidas, o que eles buscam e o que querem saber.

Técnica – existem técnicas específicas para escrever artigos de blog, isso envolve fatores como tamanho do texto, tópicos, palavras-chave, etc.

Possivelmente o tempo é o fator de impedimento principal, isso porque, grande parte das contabilidades espalhadas pelo Brasil sofrem com a sobrecarga de tarefas, atrasos nas obrigações contábeis e até multas…

O que torna difícil a tarefa de separar um espaço para dedicar a produção de um blog. Pensando nisso, criei o tópico abaixo.


Como conseguir se dedicar a um blog


Porém, se você sente que o seu escritório contábil precisa de um blog, existem algumas medidas que podem ser tomadas para que te sobre algum tempo para dedicar a isso, sendo elas:

Criar uma rotina – escrever para um blog será uma tarefa intrusa na sua competitiva agenda, mas se você decidir inseri-la, ela ocupará um espaço só dela que deve ser respeitado. Supondo que você separe 1h por semana para dedicar ao seu blog, provavelmente, outras tarefas acabem “engolindo” esse espaço reservado, e é importante que você não deixe isso acontecer, que respeite sua nova rotina e se dedique a ela.

Separe títulos com antecedência – criar o título de um artigo é um dos maiores desafios para quem está iniciando a criação de um blog, por isso, sugiro que você separe títulos ou temas antes de começar a escrever. Crie lista com assuntos que você acha pertinentes, faça pesquisas em sites para viabilizar os temas e crie títulos em cima disso. Um site que pode te ajudar nisso é o Google Trends, essa plataforma da Google permite que você pesquise temas de acordo com tendências e descubra qual faz mais sentido.

Acompanhe seus resultados – tão importante quando produzir artigos e nutrir seu blog, é importante que você acompanhe seus resultados, que veja quantos acessos seus artigos estão conquistando, qual o tempo de permanência das pessoas na sua página, quais os temas foram mais visitados, etc.

Se você decidiu que seu escritório contábil precisa de um blog, então dedique-se a construir conteúdos ricos e faça uma boa gestão do tempo, assim, existe uma grande possibilidade de você colher bons frutos dessa prática.

2 respostas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *