fbpx

Você já teve que lidar com colaboradores desmotivados ou que não cumprem com as responsabilidades? Já parou pra pensar que esse tipo de comportamento pode existir por falta de gestão de pessoas? Esse é o tema do artigo de hoje.

Vamos conversar sobre a importância de reconhecer os colaboradores como indivíduos e não como peças, e como implementar a gestão de pessoas na cultura de uma empresa contábil, mesmo que esta seja mais tradicional.

Ficou curioso para se aprofundar no assunto? Então vem comigo, se ajeite na cadeira, desconecte-se do celular por alguns minutos e boa leitura!


Tratando pessoas como pessoas!


Em um passado não muito distante era comum ouvir que colaboradores são como engrenagens em empresas: em caso de defeitos basta substituí-los, afinal há outros que adorariam tomar seu lugar. 

Havia até reality shows que se aproveitavam dessa ideia para levar ao extremo a sujeição e competição por uma vaga em empresas multinacionais.

Mas a verdade é que esse tipo de pensamento foi perdendo força com o passar dos anos. 

Atualmente as empresas têm percebido que colaboradores tratados como peças, agem como tal.

Mas o mercado têm exigido soluções cada vez mais inovadoras e isso só é possível quando se cria um time de pessoas (e as trata como pessoas). 

Mas então, como se dá esse tratamento? É aí que surge a necessidade de se realizar a gestão de pessoas.

Uma forma de organizar e gerenciar um time, observando as particularidades de cada um para que se consiga extrair o melhor de todos.

Em outras palavras a gestão de pessoas é: a associação de métodos, habilidades, políticas e práticas cujo objetivo é potencializar o capital humano e administrar comportamentos internos dentro de empresas. 

E diferente do que muitas pessoas pensam isso não é tarefa do RH apenas, mas de líderes e gestores que estejam a frente de equipes e que, junto do setor de recursos humanos, desenvolvem as estratégias de gestão.

Agora que você já entendeu o que é, que tal descobrir como implementar a gestão de pessoas em sua empresa contábil? Confira então o tópico a seguir.


Implementando a gestão de pessoas em 3 etapas:


Quando ouvi falar sobre gestão de pessoas pelas primeiras vezes, achei o termo um tanto quanto subjetivo e se você também pensou assim não se preocupe. 

alguns pilares que sustentam esse tipo de gestão e direcionam as estratégias de implementação da prática, veja:

1- Motivação

Se o objetivo da gestão de pessoas é extrair o máximo de um colaborador, em contrapartida também é oferecer-lhe o máximo possível para que ele dê o seu melhor. E isso começa à partir do processo seletivo.

Salários justos e compatíveis com o mercado, valores modernos e planos de carreira são uma excelente forma de atrair bons profissionais. Para os colaboradores que já estão atuando, você pode seguir as dicas abaixo:

  • Crie metas coletivas e individuais. Isso torna claro para o colaborador onde ele precisa chegar para conquistar seus objetivos;
  • Ofereça feedbacks individuais periodicamente. Isso não só motiva quem está indo bem, como ajuda os que estão deixando a desejar a se reencontrarem;
  • Reconheça o esforço dos colaboradores. Ofereça metas, bonificações e presentes para aqueles que atingirem as metas, independente do cargo que exerçam.

Mas vale lembrar: as metas precisam ser criadas com responsabilidade. Objetivos inatingíveis só levarão às equipes contábeis ao limite, causando estresse e desmotivação.


2- Comunicação

Você já ouviu falar na famosa “rádio peão”? Esse é um termo que surgiu nas fábricas, mas acabou sendo incorporado em diversos ambientes de trabalho como as empresa contábeis. 

A rádio peão aparece sempre que uma informação é distorcida ao ser transmitida de forma extra oficial entre os colaboradores.

Isso pode criar falsas expectativas, mas principalmente um alarde desnecessário, o que pode causar desmotivação e outros problemas.

Por isso o segundo pilar mais importante na gestão de pessoas é a comunicação de mão dupla, sim, porque atualmente não basta apenas dissipar informação, é preciso estar aberto ao que os times pensam a respeito. 

A confiança e o senso de pertencimento surgem quando os profissionais contábeis se enxergam alinhados na mesma página que a liderança a respeito dos rumos da empresa.

Por isso, transmita as informações da forma mais transparente possível e ouça o que os colaboradores têm a dizer. Para isso você pode:

  • investir em ferramentas que centralizem a comunicação interna e externa em um só ambiente;
  • aplicar a regra de 1h. E-mails enviados entre os colaboradores e líderes não podem ficar mais do que uma hora sem resposta;
  • evitar envolver pessoas desnecessárias nos processos. Quanto mais intermediários há entre o emissor e o receptor de uma mensagem, maiores são as chances de ela se distorcer, por isso, preze pela objetividade e foco.

3- Trabalho em equipe

Há uma linha tênue entre as motivações individuais e as competições dentro de um mesmo setor, por isso, outro pilar muito importante na gestão de pessoas é o incentivo ao trabalho em equipe. 

Embora cada colaborador deva ter seu esforço individual, ele também deve perceber que pertence a uma equipe e que ele ganha quando todos ganham. 

Esse senso de equipe pode ser estimulado já na fase de integração dos novos colaboradores e continuado com as seguintes dicas:

  • criação de grupos de trabalho. Os grupos podem ser criados para o desenvolvimento de projetos específicos e montados não de acordo com a afinidade, mas com a capacidade de cada colaborador;
  • faça reuniões semanais: Envolva toda a empresa nesses encontros para que cada setor/colaborador do escritório contábil saiba o que o outro está fazendo para o bem comum da empresa;
  • descontraia: Sim, ninguém é de ferro e como eu disse lá em cima, gestão de pessoas é tratar pessoas como tal e isso também inclui criar momentos de descontração como happy hours, pausas durante o dia, passeios e festas de fim de ano.

O segredo é entender que uma empresa contábil é formada por pessoas principalmente, que devem ser tratadas como tal, em sua individualidade.

Viu como a gestão de pessoas é menos complicada do que parece? Com as dicas acima, implementá-la fica muito mais fácil. Obrigado por chegar até o final e nos vemos em breve!