Tipos de cultura organizacional – Conheça 9 dos principais e saiba como identificar o ideal para seu escritório contábil

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email

Você sabe dizer qual o tipo de cultura organizacional do seu escritório de contabilidade?

Ou melhor, quais valores da sua empresa transparecem nas atitudes, práticas e performance de seus colaboradores? Essas são perguntas fundamentais para definir o tipo de mentalidade dominante na sua organização e abrir caminhos para uma gestão de pessoas mais eficiente. As empresas são tão diversas quanto as sociedades, é por isso que há inúmeros tipos de cultura organizacional ditando seus valores, crenças e comportamentos. E em um mercado altamente competitivo, como o contábil, a cultura do seu escritório é sua identidade, capaz de impulsionar o seu negócio ao sucesso ou, quando desconhecida ou mal gerenciada,  gerar crises internas, impactando a qualidade dos seus serviços. 

Dessa forma, para criar uma cultura sólida e inspiradora, você precisa determinar qual é sua tipologia atual e decidir se uma nova estratégia é necessária.

Então, se você quer identificar seu tipo de cultura organizacional e traçar as rotas para a mudança ou consolidação dela, continue comigo!

O que é cultura organizacional?

Cultura organizacional é um conjunto de valores, crenças e ações, que ajudam a definir a maneira como uma empresa é conduzida. 

Para que você entenda melhor, vamos lembrar do exemplo que citei no início desse artigo no qual digo que a cultura organizacional se parece com a de uma sociedade. Isso porque, a cultura de uma sociedade é criada pelos costumes, valores, sotaques, entre outros fatores de um determinado grupo social e o mesmo acontece com uma empresa. A cultura organizacional de um negócio funciona como um guia de comportamento e mentalidade para os colaboradores. Ou seja, suas práticas, hábitos, comportamentos, princípios, política, crenças, entre outros.   

No entanto, a cultura organizacional não é relacionada apenas ao comportamento dos colaboradores, mas também a forma com que suas estratégias e os clientes do seu escritório são tratados. 

A cultura organizacional também é essencial para estimular a motivação dos seus colaboradores, Sim, porque não é apenas o salário e os benefícios que mantem um colaborador engajado. O ambiente da empresa, o tipo de condução dos líderes, o comportamento da equipe, enfim, a cultura da empresa, também fazem toda a diferença para essa finalidade.

Se um escritório desconhece o seu tipo cultura organizacional, ele provavelmente enfrentará problemas sérios, como a baixa produtividade, insatisfação dos colaboradores e clientes, alta rotatividade, entre vários outros problemas. 

9 tipos de cultura organizacional

Existem inúmeros tipos de cultura organizacional, todas criadas a partir de diferentes pontos de vista, indo de Charles Handy, famoso filósofo irlandês especializado em comportamento e gestão organizacional, até Fons Trompenaars,  teórico organizacional e consultor de gestão. 

E, abaixo eu selecionei  as 9 principais, algumas com bons exemplos outras nem tanto.

Vamos conhece-las:

Cultura do Poder

Esse tipo de cultura organizacional é muito comum em escritórios pequenos pois, se caracteriza por concentrar a liderança em uma só pessoa. Geralmente, esse profissional é o proprietário ou um gerente que comanda todo o negócio.

Cultura de Papéis

O foco principal desse tipo de cultura organizacional é o desempenho das funções pelos colaboradores, que têm os níveis hierárquicos bem estabelecidos e as atribuições definidas com clareza.

Cultura da Tarefa

Assemelha-se a cultura de papéis. No entanto, enquanto a anterior fica focada nas funções desempenhadas, essa tem seu foco na resolução de problemas. Para isso, ela contrata e desenvolve seus colaboradores para lidar com variadas situações.

Cultura da Pessoa

Focada no capital humano da empresa, esse tipo de cultura organizacional valoriza o trabalho dos profissionais, a integração entre as equipes e o crescimento individual. É centralizada no indivíduo e foca nos interesses dos colaboradores em primeiro lugar, dando espaço para que compartilhem suas ideias e pensamentos.

Cultura apática

Esse tipo de cultura organizacional caracteriza ambientes de indiferença, que refletem um estado geral de desmotivação e cinismo, geralmente causado por lideranças inaptas, fomentando a indiferença e a desmotivação dos colaboradores.

Cultura cuidadosa

Tem grande preocupação com as pessoas, deixando a desejar um pouco quando o assunto é desempenho. Existe preocupação com o bem-estar dos colaboradores em primeiro e lugar e, por conta disso, as empresas com esse tipo de cultura organizacional não impõe altos padrões para a performance e entrega de seus colaboradores. 

Cultura exigente

Ao contrário da anterior, esse tipo de cultura organizacional é orientada para o desempenho e sucesso, com sistemas de recompensas generosas, mas metas altamente agressivas, o que acaba gerando uma competitividade intensa entre os colaboradores. 

Cultura integrativa

Nesse tipo de cultura organizacional combina-se valorização do capital humano com o incentivo ao desempenho. Também orientada para atração e retenção de profissionais talentosos, aqui a ênfase está primeiramente na equipe ou no sucesso da companhia como um todo e não no individual. Ela valoriza os colaboradores com recompensas financeiras acima da média do mercado e assim espera como retorno um alto desempenho.

Cultura Família

Esse tipo cultura organizacional possui caráter pessoal com relações próximas, mas ao mesmo tempo preserva sua hierarquia e tem foco no poder, com apenas um líder no comando, sendo os demais seus subordinados. 

3 dicas sobre como identificar o tipo de cultura organizacional do seu escritório

O tópico anterior, com a apresentação dos tipos de cultura organizacional,  devem ter fornecido uma ideia de qual se encaixa em sua empresa, certo? No entanto, para ter certeza sobre o tipo de cultura que rege o seu negócio e os seus colaboradores, é necessário colocar algumas ações em prática. 

Vamos conhecê-las? 

1- Seja um observador neutro

Avalie seu tipo de cultura organizacional como um consultor que percebe o comportamento das pessoas e suas interações dentro do escritório. Note como elas interagem umas com as outras, como é a relação entre os pares, líderes e equipes, como são os conflitos e como eles são mediados e resolvidos.

2- Avalie as atitudes, comportamentos e emoções

Elas podem indicar os valores do tipo de cultura organizacional existente em seu escritório. As pessoas passam a percepção de estarem felizes e motivadas? Ou interagem com receio, medo e pouca amistosidade?

3- Faça pesquisas e testes de cultura

Essa é a maneira mais objetiva para entender o seu tipo de cultura organizacional. Os resultados desses testes confirmaram a eficácia da cultura que você possui ou fornecerão o incentivo para mudá-la.

Um dos formatos mais eficientes para essa pesquisa é a elaboração de um questionário usando a  escala de Likert, na qual o entrevistado dá uma nota de 1 a 5 conforme seu nível de concordância. Sendo 1 para “discordo totalmente” e 5 para “concordo totalmente”. 

Confira nesta planilha algumas questões que podem ser úteis para investigar sua cultura organizacional: Exemplo de pesquisa organizacional

Como criar o tipo de cultura organizacional ideal

Embora os tipos de cultura organizacional que mencionei aqui sejam referências interessantes, não existe uma fórmula para criar o tipo ideal. Isso porque, nenhuma delas conseguirá abarcar todas as variações do seu negócio. Afinal, a cultura é como um DNA: uma combinação única de fatores que distingue o seu escritório de todos os outros.

Além disso, a cultura organizacional surge, primeiramente, dos valores e crenças dos fundadores do escritório. Dessa forma, para entender qual seria o seu tipo de cultura organizacional ideal, faça a si mesmo perguntas, como: 

  • Estamos aqui para ganhar dinheiro e ser eficientes ou por uma outra causa?
  • As coisas acontecem de um jeito estruturado ou flexível? Existe um processo para tudo ou cada um faz as coisas à sua maneira?
  • Preferimos pensar sobre um problema ou saímos executando e aprendendo no caminho?
  • Valorizamos o microgerenciamento ou delegamos  com eficácia?
  • Preferimos ter cuidado nas ações ou nos permitimos arriscar?
  • Lidamos com pessoas de um jeito diplomático ou direto?
  • Os colaboradores são individualistas ou trabalham em grupo?

Ao responder essas perguntas você verá que não existe uma resposta binária, ou seja, um mero sim ou não. Não haverá certo ou errado, apenas um perfil específico que determinará o jeito que sua empresa é e qual o seu tipo de cultura organizacional.

Vale lembrar que a cultura do seu escritório é mutável, ou seja, ela é moldada constantemente e cada colaborador que entra agrega algum elemento à cultura do seu escritório. No entanto, quem ditará para onde o negócio está indo, sempre será você. 

Então é isso!

Espero que esse artigo tenha ajudado você a entender o que é cultura organizacional, quais os tipos e como descobrir o seu. Afinal, ter consciência de qual tipo de cultura organizacional orienta a sua empresa, dará a você os insumos necessários para fortalecê-la, divulgá-la ou melhorá-la, caso seja necessário. 

Até o próximo conteúdo!

Uma resposta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *