Contabilidade Internacional – Tudo o que você precisa saber para adicionar esse serviço ao portfólio do seu escritório

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email

A contabilidade internacional possui normas que alinham a linguagem contábil entre os países para que a globalização não seja um problema. Essas normas são responsáveis por tornar as operações contábeis mais transparentes e confiáveis entre todo o mundo. Ela é extremamente importante para qualquer empresa que pretenda iniciar seus trabalhos fora do país de origem. 

Portanto, se você, contador, se interessa por esse ramo da contabilidade, preparei este 

artigo para explicar mais a fundo o que é a contabilidade internacional, para que ela serve e qual a sua importância.

Vamos lá?

O que é contabilidade internacional?

A contabilidade internacional veio para adaptar os relatórios e demonstrativos contábeis aos padrões internacionais. Em outras palavras, ela define métodos em que a área contábil possa se adaptar a um contexto internacional, a fim de adequar relatórios tomando como base as normas contábeis vigentes de cada país.

Para ficar mais claro, pense numa relação entre uma matriz situada no Brasil e sua filial no exterior. Nesse caso, é necessário que princípios básicos da contabilidade sejam comuns entre elas para que os diferentes mercados globais consigam trocar informações corretas, mesmo em um ambiente em que técnicas contábeis sejam distintas.

Neste contexto, para lidar com todo esse ambiente globalizado e a troca de informações entre diferentes mercados, foi criada a International Financial Reporting Standard, que em português são as Normas Internacionais de Relatórios Financeiros. Conhecidas como IFRS, elas são emitidas pelo International Accounting Standards Board (IASB), o Conselho de Normas Internacionais de Contabilidade.

Qual a importância da contabilidade internacional

Para entender a importância da contabilidade internacional, vamos imaginar a seguinte situação: se tivéssemos 3 pessoas em uma reunião, cada uma falando seu idioma nativo, a comunicação entre elas seria um tanto difícil, não é mesmo? Agora, se todas falassem português, por exemplo, a reunião fluiria sem problemas. 

Assim é o que acontece na contabilidade, cada país e órgão governamental tem o que chamamos de linguagem contábil. Neste contexto, imagine que, ao invés das 3 pessoas, tivéssemos 3 países negociando entre si, cada um com sua maneira de abordar os termos e as normas contábeis. Seria uma bagunça, não é mesmo? Por isso, para resolver esse problema é que surgiu a contabilidade internacional. Pois, antes da criação dela, cada país tinha seus próprios processos e procedimentos contábeis, o que tornava essa relação um tanto quanto complicada. 

Portanto, a importância da contabilidade internacional está justamente em alinhar a linguagem contábil para que órgãos governamentais e países falem a mesma língua. Dessa forma, informações e dados gerados pela contabilidade, assim como as demonstrações contábeis, podem ser fielmente relatadas e tornam-se muito mais confiáveis e transparentes.

Como a contabilidade internacional é estruturada?

A contabilidade internacional é estruturada com base em alguns princípios previstos no Framework for the preparation and presentation of Financial Statements, que em português significa “Estrutura para a preparação e apresentação das Demonstrações Financeiras”. Esse documento apresenta alguns conceitos que devem ser respeitados nas demonstrações financeiras e contábeis das empresas. 

São diversos os pontos abordados nesse documento, mas para que você entenda melhor, elenquei abaixo alguns dos mais importantes:

  • Fornecer informações sobre posição financeira e suas mudanças, sempre que forem úteis para a tomada de decisão de terceiros, como investidores, clientes, instituições financeiras, entre outros;
  • Incluir elementos de demonstração contábeis, como balanço patrimonial, fluxo de caixa, demonstração de resultado e notas e divulgação de informações sobre o segmento do negócio;
  • Adotar critérios de reconhecimento para definir ativos, passivos, receitas e despesas;
  • Elaborar todos os documentos com clareza e confiabilidade, sempre observando a sua relevância, comparabilidade e equilíbrio;
  • Avaliar as demonstrações utilizando critérios determinados que englobam custo, custo corrente, histórico, valor realizável e valor presente. 

Quais são as normas que regem a contabilidade internacional?

A IFRS fornece acesso gratuito aos arquivos com as normas que regem a contabilidade internacional, todas atualizadas e traduzidas. As páginas possuem um resumo de alto nível sobre as regras e, sem termos técnicos, explica de forma clara cada uma delas. 

Até março de 2021, existiam 17 normas publicadas e você pode acompanhar cada uma delas clicando aqui: List of IFRS Standards and IFRIC Interpretations.

Como oferecer a contabilidade internacional aos seus clientes

Agora que você entendeu toda a parte teórica da contabilidade internacional que expliquei aqui, já está meio caminho andado para ampliar o seu portfólio com mais esse serviço. 

O segundo passo, é ter um software contábil para facilitar o seu atendimento a clientes de qualquer lugar do mundo. Afinal, essa plataforma online permite que você se comunique, compartilhe informações, relatórios e demonstrações contábeis de forma fácil, assertiva e segura, com seus clientes internacionais. 

No entanto, procure optar por aquelas criadas para contadores. Isso porque, plataformas desenvolvidas com exclusividade para escritórios contábeis, atendem as dores e necessidades específicas deste mercado, tornando ainda mais fácil o trabalho da contabilidade internacional. Neste contexto, o Gestta pode ser o seu grande aliado.

O Gestta é uma plataforma de gestão desenvolvida exclusivamente para atender as necessidades e dores dos profissionais contábeis. Por isso, todas as suas funcionalidades foram criadas de forma estratégica, pensando em otimizar o dia a dia dos escritórios. E, além da integração oficial com o ERP Soluções Domínio, da Thomson Reuters, que permite o envio automático das demonstrações contábeis aos órgãos públicos, outras soluções do Gestta que tornam a sua rotina mais assertiva, são:

E para tornar ainda mais efetivo o trabalho da contabilidade internacional, o Gestta conta com múltiplos canais de atendimento e relacionamento, como: 

Isso permite que você se comunique com clientes de qualquer lugar do mundo, de forma centralizada e eficiente, sem sair da plataforma para fazer isso.  

Ou seja, para oferecer a contabilidade internacional em seu escritório, somente conhecer a teoria não basta, é fundamental ter uma ferramenta eficiente que te ajude a tornar esse serviço funcional. E, sem dúvidas, o Gestta pode te apoiar nessa empreitada!

Pronto para começar?

Espero que esse artigo tenha oferecido bons insumos para você sobre a contabilidade internacional. Afinal, investir nesse serviço pode tornar o seu escritório mais competitivo e colocá-lo à frente da concorrência. Além disso, falar sobre contabilidade internacional em um ambiente cada vez mais globalizado de negócios, como o contábil, deve ser regra para os escritórios que vislumbram crescer e expandir seus negócios a outros mercados. Portanto, não tenha medo de dar mais esse passo, combinado?

E se você quiser fazer isso de maneira mais segura, clique no botão abaixo e solicite uma demonstração do Gestta, gratuita e sem compromisso, e veja nosso software contábil em ação! 

Até o próximo conteúdo!

Uma resposta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *